LANÇAMENTO DO LIVRO “DOMINGOS MONTAGNER — O ESPETÁCULO NÃO PARA” DE OSWALDO CARVALHO.


A Prefeitura de Muriaé e a Fundarte convidam para o lançamento do livro do escritor muriaeense, Osvaldo Carvalho sobre a vida e obra do ator Domingos Montagner.

O lançamento acontece neste sábado, 07 de maio, às 19 horas, na Biblioteca Municipal.

SOBRE O AUTOR

Oswaldo Carvalho nasceu em Muriaé (MG) em 1976. É jornalista, estudou ciências sociais na PUC-Rio e fez mestrado em sociologia da cultura na Universidade de Paris. Atuou durante treze anos no Ministério da Cultura do Brasil, ocupando, entre outros, os cargos de coordenador de comunicação e gerente de publicações da Funarte. ‘Domingos Montagner – O espetáculo não para’ é o seu primeiro livro.

SOBRE O LIVRO

“Domingos Montagner — O espetáculo não para” foi escrito a partir de uma vasta pesquisa documental e muitas horas de depoimentos concedidos exclusivamente para o projeto. Com o apoio da família, o autor entrevistou mais de 80 familiares, amigos e parceiros de todas as fases da carreira de Domingos – artistas circenses como Hugo Possolo e Carla Candiotto, grandes diretores de teatro como Cacá Rosset e Neyde Veneziano, e atores de TV conhecidos do público como Lília Cabral, Camila Pitanga, Luís Gustavo e Cauã Reymond, entre outros.

O livro é uma biografia com linguagem de romance, com todas as reviravoltas de uma boa trama. A história de Domingos é narrada em tom íntimo, desde a sua infância, passando pelas primeiras apresentações circenses nas ruas de São Paulo, até o sucesso arrebatador nas novelas da TV Globo. A obra reúne fotografias do acervo pessoal do ator, além de um acervo iconográfico que conta em imagens um capítulo importante da história das artes cênicas no Brasil.

A partir de informações raras e exclusivas, o autor narra a vida e a obra de um importante artista brasileiro e capta as transformações pelas quais o universo circense passou ao longo das últimas décadas. Domingos foi aluno de uma das primeiras turmas de escolas de circo do país e o advento dessas escolas alterou profundamente o modo de produção circense, que em todo o mundo era baseado em empreendimentos familiares – os truques eram transmitidos como tesouros secretos de uma geração à outra. A carreira de Domingos serve também como ilustração dessa virada na história da arte circense e seus desdobramentos no teatro, no cinema e na TV.