4º CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA A JUVENTUDE


 

A 4º Conferência Municipal de Políticas Públicas para as Juventudes de Muriaé foi a instância máxima de participação popular jovem que teve como objetivo discutir, avaliar e propor políticas públicas de atendimento a esse público, considerando sua pluralidade.
O evento ocorreu na semana passada e teve a presença do Tomaz Moreira – Coordenador das Políticas Públicas para a Juventude de Minas Gerais da SEDESE, da Diretora Geral da Fundarte Flavia Neves e também o Gestor Municipal de Juventude Wesley Ferreira da Silva.
Na noite do dia 12, tivemos a abertura oficial, leitura e aprovação do Regimento Interno, apresentações culturais com Associação de Surdos de Muriaé que interpretaram a Música COTA NÃO É ESMOLA de composição de Bia Ferreira. A Academia Valéria Bruno fez uma apresentação de jazz e para encerrar a noite realizamos um aulão de “zouk” com a Companhia de Dança Edson Perrotti com todos os presentes.
Na manhã do dia 13, tivemos uma mesa redonda e amplo debate sobre o tema central da Conferência: Juventudes, Mulheres e Negritudes, com os palestrantes Phippe Brito, Camila Daher, Will Marinho.
No período da tarde, iniciamos com uma Performance das Alunas do Colégio Equipe, que pela primeira vez participou dos debates sobre políticas públicas, delegados e delegadas e também os convidados que foram divididos em grupos de trabalho conforme o eixo temático escolhido no momento do credenciamento.

Eixo 1: Desenvolvimento Intergral que debateram:
Educação,
Trabalho e Renda,
Empreendedorismo,
Juventude em Situação de Rua,
Artes,
Cultura,
Comunicação e tecnologias de Informação,
Grana para as Políticas de Juventudes

Eixo 2: Qualidade de Vida que debateram:
Meio Ambiente,
Alimentação Saudável,
Saúde,
Bem Estar Biopsicossocial,
Lazer,
Esporte,
Direito á Cidade,

Eixo 3: Diretos e Diversidade que debateram:
Gênero,
Segurança Cidadã,
Juventudes,
LGBTQI+,
Vida Segura,
Valorização da Diversidade e das Diferenças,
Participação Social,

Eixo 4:Letalidade Juvenil e Segurança que debateram:
Genocídio da Juventude Negra,
Paradigma das Políticas de Segurança,
Racismo Institucional,
Não Acesso a Justiça.

As propostas discutidas nos grupos de trabalho foram apreciadas pela plenária final a fim de aprovar e também elencar três prioridades que irão para 4º Conferência Nacional de Juventudes em Agosto deste ano e fará parte da elaboração do Plano Municipal da Juventude, documento que norteará as ações do município nas políticas públicas para a juventude.
Nossa conferência ainda elegeu quatro delegados que representarão Muriaé na Vº Conferencia Estadual de Juventudes Prevista para 23 e 24 de Maio de 2020.

Os delegados para Estadual
Sociedade civil:
Titular
Matheus Henrique Dias Fonseca
Julia Marques de Carvalho Terra

Suplentes:
Iris Matos Cardoso Assis
Kirihai Ester de Jesus Ferreira

Governamental:
Titular
Wesley Ferreira da Silva
Anna Clara Rangel Araújo Dornelas

Suplentes:
Willian Cortes Silva
Marcos Marcos de Paula Oliveira

As Propostas eleitas como prioridades foram as três mais votadas dos quatro Eixos de Debate, que são elas:

Eixo 1
Proposta 1: Dar mais voz e autoridade ao Conselho Municipal de Juventude para ter mais acesso e autonomia para desenvolver projetos de cunho social nas escolas, abordando temas importantes e necessários da contemporaneidade, como racismo, machismo, feminicídio, abordagem policial violenta, suicídio, depressão, LGBTfobia, políticas de sexualidade.
Eixo 2
Proposta 2: Criar programas para garantir o equilíbrio biopsicossocial das Juventudes de forma a ampliar a compreensão sobre causas, processos e tratamentos das diversas questões de saúde com aproximação dos jovens com os profissionais da saúde de forma a fortalecer os vínculos com os mesmos.

Eixo 3
Proposta 1: Programas de capacitação para profissionais da Educação, de Saúde e de Segurança Pública, envolvendo temais transversais sobre Juventudes, LGBTQI+, Gênero, Surdos e sobretudo, sobre Sexualidade Precoce.

A Prefeitura de Muriaé, Fundarte e o Conselho Municipal de Juventude, agradecem a todas as Juventudes que participaram totalizando 230 presentes, a toda Equipe da Fundarte, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Colégio Equipe, as Escolas Estaduais e espaços que nos receberam.
Somente unidos poderemos melhorar e mudar as Políticas Públicas para a Juventude.